Adoecimento Dos Trabalhadores Com A Globalização Da Economia e o Espaço Político De Resistência, O

Editora: EMPORIO DO DIREITO (veja mais livros desta editora)
Autor(es): Elsa Cristine Bevian (veja mais livros deste autor)

por: R$ 90,00 Em 3x de: R$ 30,00 No boleto: R$ 90,00 para Associados CAAPR
por: R$ 72,00

Comprar
Em estoque: Previsão de postagem em até 1 dia útil após a confirmação do pagamento, mais o tempo de transporte.
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 90,00 sem juros
  • 2x de R$ 45,00 sem juros
  • 3x de R$ 30,00 sem juros
Avalie:

Ficha técnica

Código de barras:
9788594770905
Dimensões:
2.00cm x 15.00cm x 23.00cm
Edição:
1
Editora:
EMPORIO DO DIREITO
ISBN:
8594770901
ISBN13:
9788594770905
Número de páginas:
396
Peso:
440 gramas
Encadernação:
Flexivel

Sinopse

APRESENTAÇÃO Adoecimento, trabalho, capital, resistência. Conceitos-chave para tentar entender a situação a que quase todos os seres humanos estão e seguirão expostos cada vez mais nos próximos anos, em sua luta diária pela sobrevivência. E como todo o símbolo, tais palavras podem ser compreendidas de variadas formas, crítica e ideologicamente falando. Este é justamente o desafio assumido por Elsa Cristine Bevian em sua pesquisa de Doutoramento junto ao Centro de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), concluída em 2015, intitulada O ADOECIMENTO DOS TRABALHADORES COM A GLOBALIZAÇÃO DA ECONOMIA E O ESPAÇO POLÍTICO DE RESISTÊNCIA, da qual a obra ora apresentada é fruto, sob a orientação dos Professores Doutor Selvino José Assmann (UFSC) e Daniela Muradas(UFMG). Para a pesquisa, realizou inclusive um programa de Doutorado-Sanduíche no Exterior, com bolsa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior- CAPES, sob a orientação do Professor Doutor Àngel Martinez Hernáez, na Universidade Rovira i Virgili, Tarragona, e no Instituto de Pesquisas Sociais (Institut für Sozialforschung), em Frankfurt, tendo como Diretor o Professor Doutor Axel Honneth. Seu intento se traduz em acompanhar o leitor no desvendamento dos sentidos ocultos de alguns dos principais elementos que formam e caracterizam a luta de classes, contextualizando-os em um cenário mundial de alta complexidade. Com isso, objetiva auxiliar a tomada de consciência dos sujeitos, especialmente os trabalhadores, cada vez mais espoliados, alienados e adoecidos, e a própria construção de uma prática de resistência que alcance o campo político. Para tanto, se municia de conhecimentos multidisciplinares, especialmente jurídicos e filosóficos, aprofundando o conteúdo e com simplificação da escrita. Torna Blumenau, sua cidade de origem, o ponto de partida de uma jornada global, revisitando mais de dois séculos de história do capitalismo. Como costuma ocorrer com aqueles que acreditam ser o trabalho fonte de dignidade, não somente de riqueza material, ela não está só, sendo 14 O ADOECIMENTO DOS TRABALHADORES COM A GLOBALIZAÇÃO DA ECONOMIA E O ESPAÇO POLÍTICO DE RESISTÊNCIA acompanhada, dentre outros, de ninguém menos do que Hegel, Marx, Arendt, Baumann, Habermas, Foucault, Souto Maior, Piketty e Mézsáros. Assim, foi com imensa honra que recebi o convite desta consagrada Advogada, Professora e Pesquisadora, para tecer uma breve apresentação desse verdadeiro legad